“Portanto, eis que eu a atrairei, e a levarei para o deserto, e lhe falarei ao coração.” Oséias 2:14 ARA

“… veio a palavra de Deus a João, filho de Zacarias, no deserto. Ele percorreu toda a circunvizinhança do Jordão, pregando batismo de arrependimento para remissão de pecados, conforme está escrito no livro das palavras do profeta Isaias: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas. Todo vale será aterrado, e nivelados todos os montes e outeiros; os caminhos tortuosos serão retificados, e os escabrosos, aplanados; e toda carne verá a salvação de Deus.

Dizia ele, pois,

Então:

João Batista, discernindo os seus dias, fugiu das plataformas, das praças e foi pregar NO DESERTO, e o Espírito conduzia as pessoas para ouvi-lo, e mesmo assim, ele as desencorajava, confrontando com uma palavra dura: “quem deu a vocês o direito de fugir da Ira de Deus?” O que ele estava despertando era um GENUÍNO ARREPENDIMENTO; ansiava que houvesse no interior de cada ouvinte um despertamento para ouvir, praticar e transmitir algo gerado de dentro pra fora. Precisamos ser cristãos na essência, transformados e com uma mensagem destemida. São dias de ARREPENDIMENTO. São dias de pregações que provoque desapontamentos humanos e temor divino.

Fomos resgatados por um Cristo que confrontou um sistema, indo para a Cruz e Ressuscitando, para nos capacitar a fazer as obras que Ele fez e ainda maiores (Jo 5:20; Jo 14:12).

Vejamos um trecho do Livro A Cruz do Rei – Timothy Keller:

“Se seus planos forem um fim em si mesmos, então, Jesus não passa de um meio, e você O está usando. Mas, se Jesus for o Rei, você não conseguirá fazer Dele um meio para alcançar seus fins.”

Não se pode negociar com um Rei.

Apenas se estende a espada aos pés do Rei e diz: ‘Estou sob Seu comando’.

Contudo, se em vez disso você tenta negociar com Ele, se disser: ‘obedecerei ao meu Rei se…” não estará de fato O reconhecendo como um Rei. Não se esqueça porém de um detalhe importante: Jesus não é apenas um Rei; Ele é um Rei em uma CRUZ, Se Ele fosse apenas um Rei sentado num trono, você se submeteria a Ele por obrigação.

Mas Ele é um Rei que foi para a Cruz por você, portanto você pode se submeter a Ele por amor e confiança.”

São dias de arrependimento pela falta de confiança Nele, que prometeu que colocaria um rio nesse deserto, que garantiu um caminho para direcionar, nesse deserto. Nesse rio há limpeza, batismo, renovo;

“Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas. Eis que faço coisa nova, que está saindo à luz; porventura, não o percebeis? Eis que porei um caminho no deserto e rios, no ermo.” Isaías 43:18-19 ARA

O Senhor hoje nos chama a intimidade que:

PARA QUE TODA CARNE VEJA A SALVAÇÃO DE DEUS, VEJA O CRISTO,

Ele vai voltar … é tempo de arrependimento!

Flávia Eller

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *